top of page

Silvio Iwata Prime: atuação além das vendas

Marca que atende demanda por imóveis de médio e de alto padrão acompanha momento positivo do mercado; crescimento chega a 50% ao ano


TEXTO GRAZI CAVALARO FOTO CLAU COSTA

O mercado imobiliário de Maringá permaneceu aquecido em 2023. Para se ter ideia, de acordo com a Sondagem do Mercado Imobiliário, realizada pelo Sinduscon/PR-Noroeste com apoio da Federação das Indústrias do Estado do Paraná (Fiep), na metade do ano havia mais de cem empreendimentos em construção na cidade, correspondendo a mais de dez mil unidades e mais de 1,3 milhão de metros quadrados, números que mantiveram estáveis nos meses seguintes. Famílias que buscam o primeiro imóvel e investidores formaram a maior procura.


Os dados se sustentam em fatores como o Produto Interno Bruto (PIB) de Maringá, um dos maiores do Brasil entre cidades de mesmo porte, além do crescimento populacional de 1,19% ao ano, conforme o Censo 2022. “Maringá cresce pela demanda interna e pela chegada de pessoas de fora. Temos um mercado consumidor regional muito grande, que vem em busca de oportunidades e qualidade de vida. O crescimento populacional é organizado, com pessoas chegando após escolherem a cidade e planejarem a mudança”, comenta o diretor da Silvio Iwata Prime, Silvinho Iwata.


Na Silvio Iwata Prime, braço da imobiliária Silvio Iwata dedicada a empreendimentos de médio e de alto padrão, entre os aspectos que contribuíram para o bom ano está o ousado planejamento de negócios do grupo, cujo crescimento de 50% previsto para 2022 foi repetido em 2023. “Sabíamos que a meta demandaria esforço da equipe, mas atingimos os indicadores em 2022 e em 2023. Isso significa que em um período de dois anos, dobraremos a empresa. Se considerarmos só a Prime, o desempenho foi ainda superior”, comemora. “Um dos pontos altos no ano foi a participação em um lançamento na cidade, em que todas as imobiliárias estavam presentes, e fomos responsáveis por mais de 50% das vendas”, conta.


Diante dos resultados, a meta para 2024 foi definida: crescer mais 50%. “É uma meta audaciosa, após dois anos de muito sucesso, mas estamos confiantes porque temos energia, preparo e a equipe necessária para atingir o objetivo”, declara.


A ousadia é calcada na estratégia de negócios da marca, que tem olhado para além das vendas quando leva em conta o crescimento da cidade e a chegada de moradores com alto poder aquisitivo. Além de operar vendas, a empresa vai aos “bastidores” dos empreendimentos, auxiliando no desenvolvimento de produtos, de regiões da cidade, contribuindo com percepções de mercado para definição de valor, utilidade, itens para áreas de lazer, entre outros. “Esse trabalho tornou nossa marca mais relevante. E entendemos que, além de contribuir para criar um produto atrativo, é preciso demonstrar cada porque para o cliente, fazendo do atendimento uma experiência única”, frisa.

 

 




コメント


bottom of page